Notícias

Frederick Wassef Também se Torna Alvo da PF por Venda de Presentes do Governo no Exterior.

Frederick Wassef também representou o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), filho do ex-presidente

Além de Mauro César Lourena Cid e seu filho Mauro Cid, Frederick Wassef, que anteriormente atuou como advogado para Jair Bolsonaro (PL), está atualmente sob investigação pela Polícia Federal (PF). A investigação envolve a suspeita de comercialização de presentes do governo em território internacional. A ação ocorreu nesta sexta-feira, dia 11.

Wassef também representou o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), filho do ex-presidente. No ano de 2022, o próprio Wassef se lançou como candidato a deputado federal, contudo, não obteve êxito em sua eleição.

Além disso, há uma operação em andamento conduzida pela Polícia Federal que tem como foco o pai de Mauro Cid.

POLÍCIA FEDERAL MIRA PAI DE MAURO CID

Conforme a apuração da CNN, o responsável por tentar comercializar as joias em Miami, nos Estados Unidos, era o general Mauro César Lourena Cid. A operação também visa o tenente do Exército Osmar Crivelatti, que já foi ajudante de ordens de Bolsonaro.

Crivelatti desempenhava o papel de zelar pelas joias sauditas e monitorá-las na Fazenda Piquet. O acervo, contendo mais de 9 mil itens, ocupava cerca de 200 metros cúbicos de espaço na propriedade localizada próxima ao Lago Sul, uma área nobre em Brasília.

De acordo com a Polícia Federal, há suspeitas de que o militar e outros membros do governo estivessem utilizando a estrutura estatal para desviar bens de alto valor, presenteados por autoridades estrangeiras em missões oficiais a representantes brasileiros. A estratégia envolvia a venda desses objetos em países estrangeiros.

Até o momento, a investigação revelou que os lucros provenientes dessas transações ilícitas eram transformados em dinheiro em espécie e incorporados aos patrimônios pessoais dos envolvidos. O dinheiro era recebido por intermediários, evitando o sistema bancário convencional, com o intuito de mascarar a origem, localização e propriedade dos valores.

As autoridades de investigação consideram que as ações em análise constituem, em princípio, os delitos de peculato e lavagem de dinheiro. A operação “Lucas 12:2” está sendo executada em quatro locais: Brasília, São Paulo e Niterói.

A operação está relacionada a um inquérito policial que aborda o funcionamento das chamadas “milícias digitais” e tramita perante o Supremo Tribunal Federal, que concedeu a autorização para as buscas.

A CNN está em busca de contato com as defesas de Mauro César Cid, Mauro Cid, Wassef e Osmar Crivelatti.

(Baseado nas informações de Elijonas Maia, Larissa Rodrigues e Raquel Landim).

Fonte: CNN.

***O texto acima é de inteira responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal S4.

Ronald Paiva

Olá, sou o Ronald Paiva, redator do S4, um canceriano sempre ligado a tudo que está acontecendo e vou trazer pra vocês notícias do Brasil e mundo.

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

O Portal S4 exibe anúncios para manter nosso conteúdo gratuito, ajude-nos, desligando seu bloqueador de anúncios!