Ter conhecimento do idioma inglês é essencial também para quem está trabalhando em casa

inglês

A língua que é considerada a língua universal é essencial na vida de quem tem trabalhado pela web

Um desenvolvedor de conteúdo para internet, ou simplesmente o Web Developer, é aquele profissional que deveria ter como um dos pré-requisitos para exercer a função o domínio da língua inglesa. Especialista em criação de conteúdo mostra como o conhecimento do segundo idioma facilita essa atuação e possibilita o trabalho mais bem executado.

Criar conteúdos para a internet faz parte da rotina daquele profissional chamado Web Developer. O nome desta categoria em inglês mostra o quanto é fundamental que seus profissionais tenham o domínio do segundo idioma como um instrumento essencial para que seu trabalho seja bem executado. Sendo assim, o especialista de criação de conteúdo, Bendev Júnior, conta que começou a aprender inglês para, “não somente melhorar como profissional, mas como estar sempre por dentro das atualizações que as ferramentas de trabalho apresentam ao mercado”, explica.

Bendev lembra que as ferramentas de trabalho são vendidas pela internet, e tanto elas quanto as atualizações daquelas que já estão disponíveis são oferecidas primeiramente em inglês: “Diante disso é fundamental que quem trabalha na área de programação esteja sempre bem atualizado e por dento das novidades que envolvam suas atividades”, explica. Para se preparar, ele conta com “as aulas de um professor de inglês que usa a metodologia das aulas para lecionar via stream, o que tem sido uma forma super satisfatória de aprender”.

Além disso, Bendev destaca que “o lado bom de aprender o segundo idioma é que as oportunidades podem ser abertas onde menos esperamos. Não são todas as empresas que tem como requisito essencialmente o conhecimento da língua inglesa, mas os grandes empresários irão procurar aqueles que possuem os melhores perfis”, detalha.

Especialista em criar conteúdo para a internet, o conselho de Bendev é focar neste aprendizado: “Aprendam inglês, pois assim as portas de emprego e novos horizontes podem se abrir. Os programadores de nível mais alto no mercado têm um conhecimento da língua inglesa mais sólido, o que pode ser uma ferramenta essencial para eles estarem prontos para atender as demandas profissionais”.  Além disso, as plataformas das redes sociais, como o Google e o Facebook, por exemplo, “tem sua documentação feita originalmente em inglês, e, mesmo que existam partes que foram traduzidas para o português, ainda existem materiais que ainda foram adaptados”, completa.

E, uma outra dica valiosa que Bendev destaca são os cuidados quando for fazer a tradução automática via internet: “Se usar ferramentas como o translate, a expressão será traduzida, mas poderá haver erros de entendimento da frase. Então a minha dica é: procurem um bom profissional e não percam tempo, comecem a aprender o inglês de forma plena”, finaliza.

Fernando Azevedo25212 Posts

    Sou formando em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP, (UNIFEV), e um aspirante a jornalista que escreve sobre TV desde meados de 2009 quando iniciei o Portal S4, além disso, ainda sou autor nas horas vagas tendo dois livros publicados e diversos e-books à venda na Amazon.

    0 Comentários

      Deixe uma resposta

      Login

      Bem vindo! Faça login na sua conta

      Lembre de mim Perdeu sua senha?

      Lost Password

      %d blogueiros gostam disto: