Resumo dos capítulos O Que a Vida Me Roubou de 14 a 19 de setembro:

O Que a Vida Me Roubou

RESUMO O QUE A VIDA ME ROUBOU – capítulo 106, segunda, 14 de setembro

José Luis entrega um cheque a Graziela e lhe diz que Montserrat descobriu que ele escondeu o fato de que Alessandro estava em coma. Assim, ele precisa de algo que faça Montserrat perdoá-lo e se reconciliar com ele. Amélia confessa a Nádia que se casou com Pedro para conseguir provas contra ele. Ela diz que Angélica morreu acreditando que seu pai era o único culpado. Graziela diz a Montserrat que José Luis lhe perguntou se sabia de algo de Alessandro. Montserrat responde que espera que ela não tenha dito nada. Graziela diz que lhe prometeu ajuda, mas que tudo caminha bem. Fabiola pede ajuda a Graziela para encontrar sua mãe. Graziela diz que vai pressionar Amélia para que ela a diga. Graziela diz a Sandro que precisa que ele recupere o testamento, pois Alessandro está em Água Azul e fará de tudo para recuperá-lo. Sandro tenta seduzir Graziela e ela o rejeita.

Maria vai ao local onde tem escondido o testamento de Benjamin Almonte e por pouco não é descoberta por Sandro. Maria pede a Sandro que a deixe em paz, caso contrário, Adolfo a matará. Seguindo o conselho de Graziela, Montserrat se reconcilia com José Luis, mas pede a ele que dê um tempo e não a pressione para ter relações sexuais, pois ela está muito ferida. José Luis diz a Montserrat que não quer que ela volte a mencionar a palavra divórcio. Montserrat diz a Rosário que já falou com José Luis, mas se sente mal por estar mentindo. Rosário diz a Montserrat que ela deve atuar sim, pois José também está. Sandro pega o testamento que Maria guardava. Alessandro diz a Adolfo que vai levar sua família para longe de Água Azul.

Adolfo lhe diz que não esperava menos e que Maria não irá suportar outra rejeição de sua parte. José Luis descobre que há pouca roupa de Montserrat em casa, assim como de Laurinho e Rosário. José Luis diz a Demétrio e Renato que suas suspeitas estavam certas: Alessandro está vivo e Montserrat irá partir com ele. Graziela diz a Fabiola que Sandro recuperou o testamento. Montserrat sofre um enjôo e Alessandro a leva ao hospital. O doutor os informa que ela está grávida. Alessandro se zanga, pois pensa que o bebê é de José. Montserrat grita que irá defender seu bebê, e se Alessandro não o quiser, ela irá sozinha com seus filhos. Rosário pergunta a Montserrat e Alessandro se vão ou não fugir. Alessandro responde que não irão mais a parte alguma. Montserrat olha Alessandro, desiludida, quando ele diz a Rosário que não irão mais a parte alguma. Laurinho diz a Alessandro que estava muito feliz, pois eles passariam um tempo maior juntos, e o pergunta quando voltará a vê-lo. Alessandro responde que espera ser rapidamente. Mônica diz a Demétrio que se Alessandro está vivo, deveriam entregá-lo as autoridades. Tanto Macário quanto Victor tentam convencer Alessandro que Montserrat não foi infiel, pois todos acreditam que ele estava morto. Alessandro, furioso, diz que não pode permitir que Montserrat tenha um filho do homem que mais odeia, porque assim ele sempre estará entre eles.

Montserrat, chorando, diz a Rosário que está grávida e o bebê é de José Luis. Ela diz que Alessandro não quer que o bebê nasça, mas ela não permitirá isso. Rosário diz apoiá-la em tudo e que amará essa criança como se fosse seu neto. José Luis escuta e recrimina Montserrat por ter estado a ponto de fugir e afirma que se descobrir que Alessandro está em Água Azul, é capaz de matá-lo. Demétrio vai à casa de Josefina perguntar se é verdade que Alessandro está vivo. Josefina o responde que ele, Victor e Nádia estão vivos, e se encontraram por casualidade na Argentina. Alessandro diz a Demétrio que Montserrat e ele pensavam em ir embora, mas ele descobriu que ela está grávida. Demétrio recomenda que Alessandro tenha cuidado, pois José está como louco e, se o encontrar, certamente o irá matar. Alessandro diz a Maria que aceita passar uma noite com ela em troca de seu testamento. Sandro diz a Montserrat que ele tem o testamento de Alessandro e que vai entregá-lo a ela. Montserrat se surpreende e pergunta o motivo dessa atitude. Ele responde que descobriu que Graziela e Fabiola estão o traindo e deseja se vingar delas. Renato diz a Esmeralda que Nádia e Victor sobreviveram ao acidente e tiveram uma filha. Ele diz que Pedro tem Nádia e a criança presas em sua casa. Maria vai atrás do testamento no lugar onde ela o tinha escondido e descobre que já não está lá. Zangada, ela se lembra de quando Sandro “quase” a descobriu ali.

Esmeralda e Montserrat se encontram. Montserrat lhe diz que está esperando um filho de José Luis, mas antes de saber esse fato pediu o divórcio a José, e como ele negou, ela pensou em abandoná-lo. José Luis diz a Demétrio que uma vez ele já destruiu sua vida, e é chegado o momento de que pague. Assim, que o diga logo o que sabe de Alessandro. Demétrio responde que sabe exatamente o mesmo que ele. Sandro empacota suas coisas e diz a Fabiola que irá retornar para Miami, pois Alessandro está viv, e a primeira pessoa da qual irá se vingar é ela. Maria se disfarça de Montserrat e atira em Sandro, levando consigo o testamento. Laurinho e Victoria escapam da escola para irem à casa de Alessandro e Victor. Montserrat chega e Laurinho a pede que brinque com eles. Montserrat responde que não sabe se seu pai quer que ela brinque com eles.

Alessandro responde que adoraria. Fabiola, histérica, telefona para Graziela e lhe diz que sua filha matou Sandro. Graziela grita que Montserrat jamais o faria e telefona para Pedro a fim de que ele a ajude. Montserrat diz a Alessandro que o ama, mas não irá mudar de ideia e terá seu filho. Alessandro pede perdão por ter duvidado dela. Ele diz que com esforço irá aceitar esse bebê como se fosse dele. Alessandro vai ver Maria para lhe dizer que não aceita mais o trato que fizeram, pois existem coisas mais importantes que não deseja perder. Maria segue Alessandro até o hotel no qual ele se hospeda e descobre que ele ficou de ver Montserrat. Maria diz a José Luis que se quer saber onde e com quem está Montserrat, que vá ao hotel que fica próximo à entrada do povoado.

José Luis diz a Maria que ela acaba de assinar o atestado de óbito de Alessandro. Maria afirma que desde que ele também mate Montserrat, está tudo certo. Rosário se angustia quando Maria lhe diz que José Luis já sabe que Montserrat está se encontrando com Alessandro e uma tragédia está a ponto de ocorrer. Alessandro conta a Montserrat que estava cego pelo ciúmes quando aceitou passar uma noite com Maria em troca de seu testamento, mas se arrependeu e percebeu que jamais seria capaz de ficar com ela. Alessandro afirma para Montserrat que para serem felizes precisam estar juntos e lutarem por este mesmo objetivo. Com a ajuda de Adolfo, Nádia consegue falar com Victor. Ele diz amá-la e que fará todo o necessário para que estejam juntos novamente. Rosário angustiada telefona para a casa de Josefina e lhe diz que José Luis já sabe que Alessandro e Montserrat estão juntos e certamente irá mata-los.

Chorando ela suplica a Josefina que não permita que isso aconteça. Josefina promete a Rosário que irá avisá-los o mais rápido possível. Comparsas de Medina chegam à casa de Fabiola para limpá-la e desaparecer com o corpo de Sandro. Graziela se surpreende ao ver que um deles é Adolfo. Carlota fica surpresa quando Graziela confessa que Fabiola é sua filha. José Luis chega ao hotel onde estão Alessandro e Montserrat. José mostra uma foto ao empregado do hotel e este o diz que o casal da foto se encontra todos os dias naquele local. José Luis entra no quarto de Alessandro e Montserrat e os encontra fazendo amor. Furioso, ele ameaça Alessandro com uma arma e diz que irá matá-lo. Montserrat suplica para que ele não o faça. Maria chora ao pensar que Alessandro já deve estar morto. Alessandro diz a José que Montserrat se casou apenas por acreditar que ele estava morto, e não por amor. Montserrat suplica a José que os deixe em paz, pois o que sente por Alessandro é maior até de que seus princípios.

RESUMO O QUE A VIDA ME ROUBOU – capítulo 107, terça, 15 de setembro 

– Maria, chorando, diz a Adolfo que sentiu muita raiva por Alessandro a rejeitar outra vez, apesar de ela ter o testamento com o qual ele poderia recuperar sua fortuna e sobrenome. Adolfo descobre a arma com que Maria assassinou Sandro e a recrimina pelo feito. Maria responde que o matou porque ele roubou o testamento de Alessandro. Adolfo responde que Alessandro não quer nada com ela, e agora sendo uma assassina, sua situação piora ainda mais. José Luis tenta ter relações a força com Montserrat. Ela o rejeita e grita, desesperada. Demétrio chega para ajudá-la e ambos se agarram a socos. Macário e Rosário também chegam para auxiliar Montserrat. Macário diz a José Luis que se não soltar Demétrio, irá atirar nele. José Luis pede a todos que saiam e diz que eles ficarão bem. Alessandro, desesperado, pede a Victor que o ajude a conseguir uma arma, pois deseja tirar Montserrat da casa de José Luis.

Victor pede que ele se tranquilize, pois José Luis ama Montserrat e não lhe fará mal. Rosário diz a Montserrat que se sente culpada pelo que ela está passando, já que não permitiu que ela dissesse a verdade a José Luis. Josefina diz a Demétrio que sentiu medo quando José Luis o estava agredindo. Demétrio pergunta por que e Josefina responde que não importa, apenas não deseja que lhe ocorra nada de mal. Montserrat diz a José que não o ama, que apenas se casou com ele porque pensava que Alessandro estava morto. Ela pede que ele a deixe ir. José responde que não pode deixá-la ir, ainda mais agora que está esperando um filho dele. Montserrat responde que esse filho pode ser de Alessandro. José Luis explica a Mônica que flagrou Montserrat em um hotel com Alessandro.

Depois de fazerem amor, Josefina pergunta a Demétrio o que ele está pensando. Ele responde que foi um erro o que fizeram, e já não tem nada em comum. José Luis chega com policiais para deter Alessandro. José Luis, junto com o pessoal da polícia e da Marinha, detém Alessandro. Mônica se surpreende ao ver Demétrio na casa de Josefina. Rosário conta a Carlota que Montserrat está esperando um filho de José Luis e, quando Alessandro descobriu, não levou a notícia numa boa. Rosário diz a Montserrat e Carlota que foi Maria quem contou a José Luis que Montserrat estava em um hotel com Alessandro. Graziela diz a Fabiola que já pode voltar para a sua casa. Fabiola segue acusando Montserrat de assassinar Sandro. Graziela diz que certamente Fabiola estava bêbada quando viu Montserrat, pois sua filha não é uma assassina. Graziela diz que foi Maria quem matou Sandro ao descobrir que ele havia roubado o testamento de Alessandro. Pedro fica furioso quando Adolfo lhe diz que ainda não localizou Victor.

RESUMO O QUE A VIDA ME ROUBOU – capítulo 108, quarta, 16 de setembro 

Carlota exige a Ezequiel que ajude Alessandro a sair da prisão, já que como prefeito municipal tem poder para fazê-lo. Demétrio trata de falar com Mônica para lhe explicar o ocorrido com Alessandro. Renato diz a Demétrio que o avisou que se machucasse Mônica, se veria com ele. Victor, preocupado, diz a Macário que com a detenção de Alessandro, teme que Pedro descubra sobre sua volta a Água Azul. Graziela vai diante do juiz e lhe diz que mentiu ao culpar Alessandro de assassinar seu pai. Ela diz que o fez porque Sandro estava a ameaçando. Ela revela que os verdadeiros assassinos de Benjamin Almonte são Justino Zamudio em cumplicidade com sua sobrinha Maria. Montserrat, chorando, diz a José Luis que se libertar Alessandro, ela jamais voltará a vê-lo.

José Luis pede a Montserrat que jure que quando Alessandro recuperar seu sobrenome, sua fortuna e seu casamento com ela se torne novamente legal, se divorciará para se casar com ele. Montserrat responde que aceita a proposta, mas quer deixar claro que não deixará que ele coloque obstáculos para que Laurinho conviva com seu verdadeiro pai. José Luis responde que Laurinho poderá estar com seu pai, mas ela não voltará a ver Alessandro. O juiz diz a Graziela que vai fazer com que Alessandro fique em liberdade e gerará uma ordem de prisão contra Maria Zamudio. Josefina, chorando, confessa a Adolfo que passou a noite com Demétrio. O juiz diz a Alessandro que sabe da injustiça que se cometeu contra ele. Assim, o deixará de imediato em liberdade. Esmeralda procura Mônica para entregar lhe o convite para seu chá de bebê. José Luis diz a Alessandro que ficará em liberdade, mas desse momento em diante jamais poderá voltar a ver Montserrat. Ele diz que Rosário se encarregará de levar Laurinho para vê-lo.

RESUMO O QUE A VIDA ME ROUBOU – capítulo 109, quinta, 17 de setembro 

Alessandro diz a José que Montserrat fica a seu lado por sacrifício, não por amor. Maria se enfurece quando Adolfo diz que José Luis não matou Alessandro, nem Montserrat. Alessandro diz a Rosário que a liberdade não lhe serve de nada sem Montserrat. Mônica pede a Renato que façam amor, já que deseja se vingar de Demétrio. Renato está a ponto de concordar, mas se arrepende e diz que não pode colocar em risco sua relação com Esmeralda, ainda mais agora que seu filho está a ponto de nascer. Mônica concorda. Graziela diz a Montserrat que Alessandro vai recuperar seu sobrenome e seu casamento com José Luis perderá o efeito. Montserrat a conta sobre o acordo que fez com José e diz que está proibida de ver Alessandro. Graziela, furiosa, diz que José Luis não tem esse direito, pois foi ela quem fez com que Alessandro ficasse em liberdade.

Montserrat não acredita que sua mãe ajudou Alessandro para que ele ficasse em liberdade. Graziela diz que precisava reparar seu erro e ganhar um pouco de seu carinho. Sendo assim, José Luis não fez favor nenhum, apenas cumpriu uma ordem do juiz. Esmeralda encontra Renato na casa de Mônica, ambos seminus, e acredita que eles acabaram de ter relações sexuais. Mônica diz a Renato que sente muito por ter causado um problema entre Renato e Esmeralda e afirma para o rapaz que procurará Esmeralda para esclarecer as coisas. José Luis diz a Montserrat que graças a ele Alessandro ficou em liberdade. Graziela enfrenta José com a verdade. Montserrat diz a José Luis que ele enchia a boca para dizer que Alessandro a havia comprado e agora faz exatamente o mesmo. José responde que a perdeu não por dinheiro, e sim porque ela se apaixonou por Alessandro, porém nunca o amará tanto quanto um dia disse amá-lo.

RESUMO O QUE A VIDA ME ROUBOU – capítulo 110, sexta, 18 de setembro 

Montserrat diz que ele se engana, pois já está fora de uma vez por todas de seu coração. José ameaça Montserrat deixando uma vez mais muito claro que se caso a flagrar com Alessandro, matará os dois e se matará em seguida. Ezequiel diz a Carlota que graças a ele Alessandro é um homem livre. Esmeralda dá a luz um menino. Amélia parabeniza Renato. Demétrio diz a Mônica que tem que escutá-lo. Mônica pergunta ele a teria perdoado caso ela tivesse sido infiel e revela que esteve a ponto lhe trair com Renato. Alessandro diz a José Luis que não deve sua liberdade a ele, então verá Montserrat quantas vezes quiser. Demétrio pede a Mônica que se case com ele. Pedro se surpreende ao ver Alessandro. Este o diz que desejava muito vê-lo para dizer pessoalmente que acordou do coma.

Alessandro vai até a casa de Pedro Medina para que saiba que está vivo. Pedro diz que transformará sua vida em um inferno, a ponto de desejar não ter voltado do coma. Alessandro enfrenta o inimigo, diz que além de estar vivo conseguirá provar sua inocência e estará presente no casamento de Nádia e Vítor para brindar pela felicidade do casal. Enfurecido, Pedro aponta uma arma para a cabeça de Alessandro. Depois de descobrir a infidelidade de Renato, Esmeralda o expulsa do hospital e diz que ele não merece conhecer seu filho. Renato tenta se explicar, mas Esmeralda está irredutível.

Montserrat comenta com Esmeralda que Alessandro está em Água Azul. Alessandro ajuda o filho na lição de casa e fica feliz ao perceber como Laurinho é inteligente. Maria tem em mãos o testamento e o seguro de vida de Benjamim. Ela pensa no que pedirá a Alessandro em troca do documento. Pedro leva Nádia para visitar Montserrat e aproveita para planejar com José Luiz sobre a maneira como vão se desfazer de Alessandro. José Luiz se nega. Montserrat diz a Nádia que José Luiz se nega a lhe dar o divórcio, mas continuará lutando para ver novamente sua família unida.

Fernando Azevedo22356 Posts

    Sou formando em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP, (UNIFEV), e um aspirante a jornalista que escreve sobre TV desde meados de 2009 quando iniciei o Portal S4, além disso, ainda sou autor nas horas vagas tendo dois livros publicados e diversos e-books à venda na Amazon.

    0 Comentários

      Deixe uma resposta

      Login

      Bem vindo! Faça login na sua conta

      Lembre de mim Perdeu sua senha?

      Lost Password

      %d blogueiros gostam disto: