Resumo da Semana Nazaré de 12 a 16 de julho:

Resumo da Semana Nazaré de 12 a 16 de julho:

RESUMO NAZARÉ – capítulo 040, segunda, 12 de julho

Verônica comenta com Félix que Matilde está sofrendo convulsões e o vilão prontifica-se a ir lá ver e avaliar a situação. Cláudia conta a Nazaré que andou seguindo Verônica nos últimos tempos e que ela se encontrou com uma enfermeira no mercado e falavam de Matilde. Diz ainda que essa enfermeira passa os dias enfiada numa casa perto do lar. Verônica está na Atlântida, no gabinete de Félix a procura de uns papéis, quando abre a gaveta da secretária e dá com a ultrassom de Cláudia. Nazaré e Cláudia entram de repente e dão com Matilde. Nazaré fica em pânico por ver a mãe completamente debilitada. Cláudia está em choque por ver Félix no local.

Félix tenta se explicar, dizendo a Cláudia que não sabia que Matilde estava ali, que foi tudo um plano de Verônica, e ajuda a levar Matilde para o hospital. Já no Lar, Félix continua a manipular Cláudia. Diz a ela que tudo isso foi um plano de Verônica para os por um contra o outro e Cláudia acaba por acreditar, mais uma vez, na inocência do amante. Na casa de Félix, Verônica confronta o marido porque está desconfiada. Pergunta-lhe o que se passou ao certo com Matilde e Félix mente dizendo que, quando chegou na casa, Nazaré já tinha posto Matilde no carro e já estava fugindo. Duarte e Toni vão a casa de Nazaré e a encontram fazendo a mala da mãe para ir para o hospital. Ela mente pra eles e diz que a mãe teve uma nova crise no retorno dos tratamentos em Lisboa.

Na Quinta, Verônica está com Elsa que lhe conta a versão da história de Félix. Verônica, que continua desconfiada, oferece mais dinheiro e a enfermeira acaba por contar a verdade. No Hotel, Rogério agradece a dedicação de todos com a caravana solidária. Gonçalo recebe uma chamada de Verônica a dizer que o espera num dos quartos. Sofia e Rogério vão até à cozinha, conversam muito próximos e, quando vão se beijar, são interrompidos por Heitor, que chama Sofia para irem para casa. Verônica chora desesperada, diz a Gonçalo que Cláudia está grávida de Félix. Começa a beijá-lo e Gonçalo tenta resistir, mas em vão. Félix continua a manipular Cláudia. Ele diz que a ama e que a quer afastada de Verônica. Cláudia, iludida, pede que ele prometa que vai manter Matilde e Nazaré seguras.

RESUMO NAZARÉ – capítulo 041, terça, 13 de julho

Gonçalo manda Verônica embora e diz que isso não vai voltar a acontecer. Verônica sai humilhada e cruza com Cris. Cris entra no quarto, muito revoltado, discute com Gonçalo e diz que só não vai contar nada pela mãe, e não por ele. Na casa dos Soares, Carlos elogia Dolores e se insinua pra ela. Dolores fica com algum receio e conta que o único homem a quem se entregou e que amou verdadeiramente foi Joaquim. Carlos acha que ela tem direito a tentar ser feliz outra vez e a beija.

Cláudia encontra com Nazaré para saber como está Matilde. Nazaré conta à amiga que vão manter a mãe sob observação para ver em que estado está o tumor. As amigas fazem as pazes e acordam não falar mais de Félix. Quando Cláudia está de saída para o lar, é perseguida por dois encapuzados que a espancam e lhe dão pontapés na barriga. Cláudia acaba por desmaiar e, das sombras, vemos Verônica com um ar vitorioso. Laura está arrumando a cama do quarto onde Gonçalo esteve com Verônica. Ela vê mais chaves e fica desconfiada. Cris entra em defesa do pai e diz que foi ele que lá esteve deitado. Laura fica desconfiada. Érica se encontra com Ana no hotel. Em pânico, confessa à amiga que está grávida e que não sabe quem é o pai.

Heitor convida Sofia para almoçar. Ela inventa uma desculpa para não almoçar com o marido. Heitor fala com Félix e percebe que Sofia está mentindo. Na casa Gomes, Toni chega e oferece um colar a Nazaré. A jovem discute com ele e o acusa de andar roubando novamente. Toni diz que comprou o colar honestamente e que não vai desistir do amor de Nazaré. Érica, desesperada, procura na internet artigos sobre drogas e gravidez. Ana pega o tablet dela e diz que só está fazendo isso porque não sabe quem é o pai do bebê, mas que tudo se vai resolver. Na entrada do Hotel, Sofia chega para se despedir de Rogério. Ela diz que não sente o mesmo que ele e que não trocaria a sua família por uma aventura. Sofia dá um beijo em Rogério, em tom de despedida. Heitor, que está escondido, vê tudo.

RESUMO NAZARÉ – capítulo 042, quarta, 14 de julho

Cláudia chora porque perdeu o bebê e Félix tenta acalmá-la, dizendo que eles podem fazer outro e que não vai desistir dela. Nazaré fala ao celular com Dr. Murilo, que lhe diz que Matilde está estável. Duarte chega e Nazaré apressa-se para ir ao quarto para mandar Félix embora. Félix despede-se de Cláudia, diz que a ama e que vai ficar tudo bem. Já em casa, Verônica provoca Félix com o fato de Cláudia ter perdido o bebê. Félix diz-lhe que tal como ela sofre com a morte da irmã, também ele está sofrendo com essa situação. Verônica lembra-se do que aconteceu com Rute e promete vingança. Na casa dos Carvalho, Sofia, um pouco nervosa e culpada, preparou uma surpresa para Heitor.

Quando Heitor chega, confronta Sofia com o beijo a que assistiu e ela explica, diz que escolheu a ele e à família. Heitor não se controla e bate violentamente em Sofia. Dolores vai até ao Hotel para fazer uma surpresa a Carlos. A muito custo, consegue convencer Laura a dar a chave do quarto a ela. Quando entra, Dolores perfuma-se à espera de que o seu amado chegue. Dolores descobre um caderno de esboços e começa a reconhecer o traço. Fica cada vez mais nervosa e, enquanto continua a procurar por alguma prova, vê um desenho seu com o fio de ouro que penhorou. Já de manhã, na casa dos Carvalho, Sofia evita olhar diretamente para os filhos. Pipo repara no rosto da mãe, mas, nesse momento, entra Heitor, que mente ao dizer que a mãe bateu num móvel.

RESUMO NAZARÉ – capítulo 043, quinta, 15 de julho

Dolores está de saída do hotel, visivelmente transtornada. Laura pergunta a ela o que se passou e Dolores só pede a Laura que não diga a Carlos que ela ali esteve. Na Atlântida, Nazaré discute com Félix e Verônica e exige que a mãe seja operada de uma vez por todas. A jovem está revoltada e diz que eles precisam dela para seguir com o plano por isso devem começar a pensar em operar Matilde rapidamente. Dolores convida Carlos para almoçar em sua casa. Segura uma fotografia dele, com 20 anos, e chora.

Já em pleno almoço, em casa dos Soares, Dolores vai testando Carlos. Ele acaba por se descair e dizer uma frase que era “deles” e Dolores confronta-o. Carlos admite ser Joaquim. Matilde pergunta à filha sobre a sua suposta estadia em Lisboa dizendo que não se lembra de nada. Nazaré mente e diz que esteve numa clínica. Dolores fica fora de si, diz que vai entregar Joaquim à polícia.

FLASHBACK

Na Serração, Alfredo e Antônio discutem porque Alfredo descobriu que Antônio ia traí-lo. Antônio empurra-o e ele morre. Joaquim, que assistiu a tudo, é ameaçado por Antônio de que se abrir a boca será ele a levar a culpa de tudo. Joaquim pede ajuda a Félix e diz que foi Antônio que matou Alfredo e não ele. Félix mente, diz que o ajuda, mas liga para polícia e o denuncia.

FIM DE FLASHBACK

Joaquim diz-lhe que não foi ele quem matou Alfredo, mas sim Antônio, que fugiu porque foi ameaçado e que Sofia o tem ajudado.

RESUMO NAZARÉ – capítulo 044, sexta, 16 de julho

No Hotel, Pipo vai pedir ajuda a Ana. Diz que desde que “supostamente” salvou a irmã, não para de ser perseguido. Ana afasta a jovem e aceita quando Pipo lhe pede que finja ser namorada dela. No restaurante, Glória e os filhos estão fazendo contas quando João chega e diz que tem de modernizar o Barbatanas. Matias e Toni começam a pensar num plano para tirar João dali. Mais tarde, e porque ficou desconfiada, Matilde comenta com Glória que acha que Nazaré mentiu pra ela e que a única coisa que se lembra é da enfermeira. Na Atlântida, estamos no lançamento da coleção Philippe Starck, o primeiro grande negócio feito por Duarte enquanto presidente da empresa. Duarte está falando com a imprensa enquanto Carol regista em vídeo todos os momentos.

No Hotel, enquanto fala com a viúva de Tozé, Bernardo tem uma visão. A viúva diz a ele que Tozé sabia a Bíblia de cor e Bernardo sai apressado deixando ela falando sozinha. Félix discursa, passa a palavra a Duarte e sai para o seu gabinete. Carol, enquanto está filmando, vai para se sentar numa cadeira da coleção que está exposta, e a cadeira parte-se magoando a perna de Carol. Ficam todos em choque, principalmente Duarte, que não sabe o que fazer. Já na Atlântida, Bernardo ignora a mãe e diz que Tozé usou a Bíblia para deixar uma pista. Genesis quatro: irmão que mata irmão, Abel e Caim.

Bernardo chega então à conclusão que Félix é Caim. Que foi o pai que matou Antônio e que também matou o Tozé. Bernardo diz que Félix é um assassino, que o viu a dar dinheiro a Tozé. O jovem acusa o pai de ter pago a Tozé para ser o bode expiatório e que depois o matou. Verônica tenta acalmar o filho. Ainda durante a apresentação da coleção cápsula, Duarte, perante o desagrado do representante do Philippe Starck, faz declaração aos jornalistas dizendo que não sabe o que aconteceu. Joaquim vai a casa dos Carvalho saber como está Carol depois do incidente na Atlântida. Sofia está muito revoltada com ele, pois diz que a sua ajuda não incluía prejudicar o Duarte. Joaquim conta-lhe que Dolores já sabe de tudo, inclusive que Sofia o ajudou durante esse tempo.

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *