Resenha – Livro – Sangue de Dragão – Denis Ibañes

Sangue de Dragão

Gênero: Fantasia Medieval

Páginas: 240

Autor: Denis Ibañes

Sinopse: Mercado Livre

Faz um tempinho que fizemos uma resenha por aqui, estávamos com saudades de apreciar um bom livro! E nesta semana, tivemos como leitura, mais uma obra nacional. Desta vez uma obra criada pelo autor Denis Ibañes, trata-se do livro “Sangue de Dragão” Que é o primeiro volume da série Filhos do Fogo,  no livro “Sangue de Dragão” somos apresentados a histórias de alguns personagens distintos entre si. Personagens esses que contam um pouco de suas vidas, e ainda como é que elas vão se cruzando, mesmo que de maneira indireta. Cada um dos personagens, tem um motivo para realizar algum feito que possa ser visto pela sociedade que os cerca como uma atitude ruim, ou ainda errada. Uma coisa se nota entre todos, eles lutam por um ideal do qual acreditam ser o melhor para si próprios em determinado momento! E isso é uma coisa que cada um de nós também faz em nossas próprias vidas, quem nunca lutou para conquistar algo que acha ser o melhor para si? Só que no caso  do bardo Karan, do bastardo Thar, do nobre Bakon, da assassina Togany e ainda do fazendeiro Bjorn, A situação é um pouco mais complicada, visto que seus destinos são cruzados por situações de vida ou morte que os fazem tomar medidas drásticas para se manterem vivos. Como são mais de um personagem narrando a história, tentaremos dar uma falada breve de cada um deles! Começando pelo bardo Karan, para aqueles como nós que estão por fora do que seja um bardo, ele é nada mais nada menos que um músico que ganha a vida tocando em estabelecimentos que no nosso mundo seriam barzinhos de uma esquina qualquer! A vida de Karan começa a mudar de rumo, numa noite que ele tocava numa das tavernas mais agitadas da cidade onde ele vivia e uma jovem e misteriosa mulher o olha de um jeito diferente. Karan nunca resistiu ao sorriso de uma bela mulher, e aquela mulher tinha um belo sorriso! Bastou isso para que Karan se envolvesse numa situação de vida ou morte, já que aquela bela jovem com quem se envolveu era na verdade uma assassina profissional procurada por ter colocado fim na vida do tesoureiro da cidade onde ele vive. A tal assassina citada atende pelo nome de Togany, ela viu em Karan a chance perfeita de retornar para sua cidade e se livrar da vida que estava levando como uma jovem escrava de um homem rico daquela cidade na qual Karan vivia. Já o bastardo Thar levava uma vida super simples pelas ruas da cidade onde vivia, desde que saiu de casa por ser expulso pelo homem que considerava um pai até os primeiros anos de sua vida. Quando descobriu que era na verdade um filho de ninguém, ou um bastardo simplesmente! Thar apesar de viver pelas ruas, até que era feliz e sonhava com o dia que poderia voltar a viver uma vida luxuosa em um  dos castelos da cidade. A vida de Thar começa a se alterar no momento que seu destino se cruza com o de um garoto perdido, que por sua aparência parecia ser de uma família nobre. Thar vê naquele garoto assustado, a chance de ter a vida que sonha e com isso passa a ajuda-lo a viver pelas ruas da cidade onde vivia até então! Esse mesmo garoto assustado, ajudado por Thar se chama Bakon e ele viu sua vida mudar no instante que se perdeu de sua mãe num grande comércio local e teve que encarar o drama de viver nas ruas e sobreviver dos restos dos outros. Seu encontro com Thar, foi a chance que o garoto aguardava para se tornar uma pessoa mais forte do que jamais foi um dia! Já o fazendeiro Bjorn levava uma vida simples ao lado de sua esposa, numa fazenda que mantinha com orgulho no interior de uma área remota do continente de onde vive. Apesar desta vida de fazendeiro, Bjorn nasceu pré destinado a ser um guerreiro. Mas resolveu se abdicar desta obrigação para tentar montar uma família, algo que seu pai jamais fez! Porém, mesmo desejando isso o destino resolve lhe pregar uma peça e Bjorn se vê obrigado a se tornar exatamente aquele que ele não queria ser em sua vida! Falamos de modo bem superficial de cada um dos personagens, mas cada um tem suas peculiaridades e são interessantes a sua maneira. A escrita de Denis Ibañes é muito fluída e os capítulos estão muito bem distribuídos. Ficamos um pouco frustrados pelo fato de um personagem sem nome ter nos deixado curiosos, mas ao que parece este mesmo personagem deve ser elemento chave nos próximos livros da série: Filhos do Fogo! Com isso nos resta aguardar pelos próximos livros, mas adiantamos que o livro “Sangue de Dragão” é uma excelente leitura e vale muito a pena ser incluso em sua lista de futuras leituras! Nota da obra: 5 Estrelas!!!!!]]>

0 Comentários

Deixe uma resposta

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

%d blogueiros gostam disto: