Televisão

Prato Feito 15/12/2023: O arroz é tema do último episódio

Prato Feito mostra delícias da culinária do Rio Grande do Sul

O Prato Feito desta sexta-feira, 15 de dezembro, traz mais uma edição sob o comando de Rita Lobo.

Rita Lobo encerra a série documental ‘Prato Feito Brasil’ no Rio Grande do Sul, estado que produz 70 por cento do arroz que é consumido no país. Em cada episódio a série mostrou a importância de determinado grupo alimentar na alimentação diária do brasileiro – feijões e leguminosas, carnes e ovos, hortaliças – e no programa que vai ao ar nesta sexta (15), é a vez de abordar o grupo dos cereais, raízes e tubérculos, onde está o arroz na fórmula de alimentação saudável. 

Em Porto Alegre Rita visita a Escola Municipal Lauro Rodrigues, onde conversa com crianças sobre os grupos que compõem o prato feito e também com as cozinheiras da instituição de ensino, que mostram como é a rotina para alimentar um grande número de alunos da forma mais saudável, balanceada e saborosa possível. Depois, a apresentadora vai até o mercado público da cidade, que oferece uma grande variedade de tipos de arroz, como agulhinha, basmati, cateto e japonês, entre outros. No local, ela encontra o engenheiro agrônomo Rodrigo Schoenfeld para um bate-papo. Rodrigo explica os motivos de o estado ter as condições ideais para o cultivo desse cereal, além de mostrar as diferenças entre cada tipo de arroz. Como faz em cada episódio de ‘Prato Feito Brasil’, Rita traz uma dica valiosa, e dessa vez ensina uma receita para reaproveitar sobra de arroz congelado de dar água na boca.   

E como conhecer o prato feito do dia a dia das pessoas é o objetivo principal da série, Rita entra no apartamento de Eduardo Azevedo, que vive com a esposa e o filho bebê. Ele mostra a receita de arroz carreteiro com o aproveitamento de carnes de churrasco que aprendeu com o pai, e de lá Rita parte para uma fazenda em Palmares do Sul, onde vivem a avó e os pais de Eduardo, para conhecer as receitas da família. Dona Léa, a avó de Eduardo, prepara arroz com guisado e banana, receita tradicional que passou de sua mãe para ela. Já Marino, o pai de Eduardo, a pessoa da família que mais gosta de preparar as refeições, faz sua grande especialidade: paçoca de charque. Rita também coloca a mão na massa e prepara uma salada de repolho roxo para acompanhar ao almoço, que reúne toda a família de Eduardo em volta da mesa. “É muito bonito ver que a comida tem sido um elemento essencial para a união dessa família. O nosso jeito de comer nos identifica como parte de um grupo, aprendemos em casa, com nossos pais, avós, bisavós, num ciclo poderoso que une o ontem, o hoje e o amanhã. Termino essa série cheia de esperança de um futuro com mais cozinheiros e mais cozinheiras, com mais comida de verdade. E também com a certeza de que o prato feito é mesmo o sabor do Brasil’, conclui Rita.     

O Prato Feito começa logo após mais uma edição do Globo Repórter, não perca!

***O texto acima é de inteira responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal S4.

Fernando Azevedo

Sou formado em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP (UNIFEV), e também sou um entusiasta de jornalismo, escrevendo sobre TV desde meados de 2009, quando comecei o Portal S4. Além disso, nas horas vagas, sou autor com dois livros publicados e diversos e-books disponíveis para venda na Amazon.

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

O Portal S4 exibe anúncios para manter nosso conteúdo gratuito, ajude-nos, desligando seu bloqueador de anúncios!