Polícia Federal faz operação contra importação fraudulenta de peças de motos em São José do Rio Preto, SP

peças de moto em São José do Rio Preto

Operação deflagrada pela Polícia Federal de São José do Rio Preto, SP, busca combater a importação ilegal de peças para motos.

Nesta terça-feira, 28 de maio, a Polícia Federal (PF) deflagrou uma operação a qual busca combater a importação ilegal de peças e acessórios para motos, a operação contou com o apoio da Receita Federal.

De acordo com a PF, uma pessoa foi presa em flagrante durante a operação por armazenar grande quantidade de peças e acessórios sem que tivesse documentos comprobatórios que os itens eram parte de importação regular.

Na Operação Pipe, os policiais federais cumpriram quatro mandados de busca e apreensão em São José do Rio Preto, SP, todos expedidos pela Justiça Federal.

Ainda de acordo com a PF, desde 2017, os suspeitos importavam peças e acessórios de uma marca famosa de motos dos Estados Unidos para o Brasil.

Os objetos eram acompanhados de documentos fiscais com descrição genérica de conteúdo e com preços bem abaixo do valor real. Com isso, os suspeitos iludiam o pagamento dos impostos devidos pela entrada da mercadoria no Brasil.

Quando as peças já estavam no Brasil, elas eram revendidas pela internet a preço de mercado. Os investigados poderão responder pelos crimes de contrabando, descaminho e organização criminosa.

A denominação da operação Pipe, cano em português, se dá em razão de ser a forma que as peças vinham descritas nos documentos de importação.

Fernando Azevedo18027 Posts

    Sou formando em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP, (UNIFEV), e um aspirante a jornalista que escreve sobre TV desde meados de 2009 quando iniciei o Portal S4, além disso, ainda sou autor nas horas vagas tendo dois livros publicados e diversos e-books à venda na Amazon.

    0 Comentários

      Deixe uma resposta

      Login

      Bem vindo! Faça login na sua conta

      Lembre de mim Perdeu sua senha?

      Lost Password

      %d blogueiros gostam disto: