Nutricionista traz dicas de como emagrecer e fortalecer o organismo ao mesmo tempo

Emagrescer

Juliana Vieira elenca os alimentos que devemos incluir no cardápio alimentar e quais devem ser evitados

Em meio à pandemia do novo coronavírus, é hora de repensarmos a nossa alimentação. Um cardápio alimentar saudável ajuda a aumentar a imunidade gradualmente, e também, na perda de peso. Para isso, segundo a nutricionista Juliana Vieira, basta que se tenha um déficit calórico diário.

“Compre o necessário de comida e não estoque na despensa (ou em você mesmo) as calorias que não utilizará .Quando menos embalagens melhor. Prefira os alimentos in natura, livres de conservantes”, enfatiza.

Juliana afirma que devemos consumir as calorias de acordo com as nossas necessidades individuais. Ela também elenca os alimentos responsáveis por fortalecer a imunidade ao longo do tempo.

“Principalmente as frutas e os vegetais, como o morango, a laranja e o brócolis. E também as sementes, os frutos secos e as proteínas, pois são ricas em nutrientes que ajudam na formação das células do sistema imune.

A especialista adverte que, mais do que nunca, é hora de ficar longe das “dietas malucas”, já que elas trazem riscos para a saúde.

Sugestão de cardápio:

REFEIÇÃO 01 (CAFÉ DA MANHA)

1 fatia de pão integral ou sem glúten , podendo variar.

3 ovos mexidos ou cozidos (2 claras /1 gema. )

1 laranja ?? com bagaço

1 xicara 200ml de café preto.

REFEIÇÃO 02 (LANCHE DA MANHA)

Nozes, 30 gr

Agua de coco natural ou de caixinha que nao contenha conservantes e/ou açucar

REFEIÇÃO 03 (ALMOçO)

Arroz integral ou 7 grãos. 100 gr

File de frango 200 gr

brócolis 80gr

Juliana Vieira elenca os alimentos que devemos incluir no cardápio alimentar e quais devem ser evitados

Em meio à pandemia do novo coronavírus, é hora de repensarmos a nossa alimentação. Um cardápio alimentar saudável ajuda a aumentar a imunidade gradualmente, e também, na perda de peso. Para isso, segundo a nutricionista Juliana Vieira, basta que se tenha um déficit calórico diário.

“Compre o necessário de comida e não estoque na despensa (ou em você mesmo) as calorias que não utilizará .Quando menos embalagens melhor. Prefira os alimentos in natura, livres de conservantes”, enfatiza.

Juliana afirma que devemos consumir as calorias de acordo com as nossas necessidades individuais. Ela também elenca os alimentos responsáveis por fortalecer a imunidade ao longo do tempo.

“Principalmente as frutas e os vegetais, como o morango, a laranja e o brócolis. E também as sementes, os frutos secos e as proteínas, pois são ricas em nutrientes que ajudam na formação das células do sistema imune.

A especialista adverte que, mais do que nunca, é hora de ficar longe das “dietas malucas”, já que elas trazem riscos para a saúde.

Sugestão de cardápio:

REFEIÇÃO 01 (CAFÉ DA MANHA)

1 fatia de pão integral ou sem glúten , podendo variar.

3 ovos mexidos ou cozidos (2 claras /1 gema. )

1 laranja ?? com bagaço

1 xicara 200ml de café preto.

REFEIÇÃO 02 (LANCHE DA MANHA)

Nozes, 30 gr

Agua de coco natural ou de caixinha que nao contenha conservantes e/ou açucar

REFEIÇÃO 03 (ALMOçO)

Arroz integral ou 7 grãos. 100 gr

File de frango 200 gr

brócolis 80gr

Fernando Azevedo20713 Posts

    Sou formando em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP, (UNIFEV), e um aspirante a jornalista que escreve sobre TV desde meados de 2009 quando iniciei o Portal S4, além disso, ainda sou autor nas horas vagas tendo dois livros publicados e diversos e-books à venda na Amazon.

    0 Comentários

      Deixe uma resposta

      Login

      Bem vindo! Faça login na sua conta

      Lembre de mim Perdeu sua senha?

      Lost Password

      %d blogueiros gostam disto: