Notícias

Homem de 42 anos é preso por estuprar e engravidar cunhada de 12 anos em Ribeirão Corrente, SP

Homem que é lavrador foi preso após ser apontado como o autor do estupro que acabou engravidando uma menina de 12 anos em Ribeirão Corrente, SP.

Um homem de 42 anos que atua como lavrador acabou sendo preso em Ribeirão Corrente, SP, após ser apontado como o principal suspeito de ser o autor do estupro de uma menina de 12 anos que acabou ficando grávida após ser violentada.

A menina de 12 anos é irmã da mulher com quem o lavrador vive, de acordo com informações da Polícia Militar (PM) a suspeita contra o lavrador teve inicio em meados de fevereiro quando uma equipe da PM foi chamada a uma propriedade rural da cidade para atender um chamado sobre um desentendimento.

A irmã mais velha e um padrinho da vítima tinham iniciado uma discussão porque os dois tinham a guarda compartilhada da menina e do irmão caçula, de 9 anos, depois que os pais deles foram declarados impossibilitados pela Justiça de cuidar das crianças.

De acordo com à PM, de segunda a sexta-feira, as crianças ficavam no sítio com a irmã e o marido dela, e passavam os finais de semana com o padrinho, em Franca, SP.

Os policiais, no entanto, desconfiaram do comportamento da menina, que tentava não ser notada e apresentava uma saliência na barriga. Desconfiados de uma possível gravidez, os PMs acionaram o Conselho Tutelar, que encaminhou a criança para atendimento médico.

Ela passou por uma unidade de saúde, onde o médico confirmou a gestação, e pelo Instituto Médico Legal (IML) de Franca ,SP, onde foi constatado que ela estava grávida de três meses.

Segundo a Polícia Militar, a menina relatou aos conselheiros que era estuprada há meses pelo cunhado e que era constantemente ameaçada de morte para não denunciá-lo.

O caso foi encaminhado à Polícia Civil, que indiciou o lavrador por estupro de vulnerável. Segundo a PM, com o intuito de proteger o marido, a irmã da vítima tentava obter a guarda total das crianças, evitando que o padrinho soubesse dos abusos.

Diante da denúncia, a Justiça transferiu a guarda das crianças para o padrinho, o lavrador foi preso na última sexta-feira, 17, e deve responder pelo crime de estupro de vulnerável.

***O texto acima é de inteira responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal S4.

Fernando Azevedo

Sou formado em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP (UNIFEV), e também sou um entusiasta de jornalismo, escrevendo sobre TV desde meados de 2009, quando comecei o Portal S4. Além disso, nas horas vagas, sou autor com dois livros publicados e diversos e-books disponíveis para venda na Amazon.

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

O Portal S4 exibe anúncios para manter nosso conteúdo gratuito, ajude-nos, desligando seu bloqueador de anúncios!