Lívia Santana

Ex-pastora se decepciona com igreja e passa a produzir conteúdo adulto

“Fui vendo que é um meio corrupto, ali eles estão pregando uma coisa e vivendo outra”, disparou Ana Akiva

A história de uma mulher tem gerado grande repercussão nas redes sociais. A ex-Miss Bumbum Ana Akiva, de 36 anos, foi pastora em uma igreja no interior de São Paulo, mas “um meio corrupto” e um casamento abusivo a fizeram mudar de vida. Hoje, ela é comissária de bordo e criadora de conteúdo adulto em redes como Privacy e OnlyFans.

A virada de chave na vida de Ana ocorreu após o divorciou, dando fim a um casamento abusivo com um famoso líder religioso, segundo ela mesma conta: “Ele me proibia de trabalhar fora e ter amizades. Vivia pela família e pela igreja. É difícil ser feliz ao lado de alguém que controla sua vida e que nunca te coloca para cima, que te chama de lixo, cospe na sua cara, muitas mulheres passam por isso dentro da igreja e sofrem caladas assim como eu”.

A modelo ainda deu uma declaração polêmica ao comparar com sua atual condição de criadora de conteúdo adulto. “Fui leal e fiel, tanto na igreja quanto no meu casamento, mas tenho o livre arbítrio de não querer estar em um lugar que era para ser santo, que era para ser bom, mas não está sendo. Lá é pior que vender nudes”, disparou.

“Fui vendo que é um meio corrupto, chega ser pior que o mundo secular, porque ali eles estão pregando uma coisa e vivendo outra. Não são todos, mas grande parte está corrompida”, completou.

Apesar disto, a influenciadora não descarta retornar para a igreja futuramente: “Um dia posso voltar, tenho fé em Deus. Acredito que fazer conteúdos sensuais não me diminui como filha de Deus e nem como pessoa, mas por respeito a Deus resolvi me afastar da liderança e do título de pastora”.

Iniciando na nova jornada como produtora de conteúdo, Ana também divulga em suas redes sociais sua rotina e curiosidades sobre seu trabalho como comissária de bordo. 

Por fim, a loira aproveitou a grande polêmica envolvendo sua história para fazer um desabafo em suas redes sociais. “Eu espero que toda essa repercussão seja positiva, principalmente para alertar mulheres que sofrem relacionamento abusivo e são obrigadas a ficarem caladas para não expor seu companheiro ‘religioso’”, escreveu em Story. 

Fonte: Bruna Rodrigues

***O texto acima é de inteira responsabilidade do autor e não reflete necessariamente a opinião do Portal S4.

Livia Santana

Jornalista e Assessora de imprensa de Uberlândia, Minas Gerais. Com formações em Turismo e Hotelaria, Culinária, Confeitaria, Teatro (roteirista, atriz e produtora), Locutora de Rádio, Jornalismo (CEO de portais e revistas), apresentadora e Coach. Trabalhos que já fez: Trabalhou para uma agência de modelos e saiu no ano 2020, foi assessora de imprensa, editora-chefe, jornalista e assessorou o programa CBTUR VIP, a Revista CBTUR VIP, as redes sociais da apresentadora e a colunista e embaixadora do Turismo no Brasil, Ruthínea de Carvalho (saiu no mês de março 2022), trabalhou na parte comercial dos jornais Estado do Rio de Janeiro e Niterói News.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock Detectado

O Portal S4 exibe anúncios para manter nosso conteúdo gratuito, ajude-nos, desligando seu bloqueador de anúncios!