Caldeirão do Huck 05/06/2021: Black Pipe encara o The Wall e tem o Um Por Todos, Todos Por Um!

Caldeirão do Huck
Publicidade

Caldeirão do Huck traz ainda o Tem Ou Não Tem, o Jogo

O Caldeirão do Huck deste sábado, 05 de junho, traz mais uma edição que promete deixar sua tarde mais emocionada com histórias inspiradoras, há também momentos de muita diversão.

Para começar tem mais uma edição do quadro Tem ou Não Tem, o Jogo, no quadro duas famílias entram numa disputa onde o objetivo é tentar descobrir quais foram as respostas dadas por um grupo de pessoas que participou de uma pesquisa realizada previamente pela produção do programa.

Nesta pesquisa, um grupo de 100 pessoas é abordado pela produção e questionado sobre determinadas situações, por exemplo: qual a primeira coisa que vem a sua cabeça, quando falamos em uma casa?

A partir desta questão, os entrevistados dessa entrevista listam coisas que fazem que se lembrem de um quarto, cabe as famílias descobrir quais foram os itens mais citados pelos entrevistados.

A família que melhor se sair nas duas etapas do quadro, leva para casa um prêmio de R$ 30 mil. Nesta semana, encaram a disputa as famílias Luna e Santos.

E ainda tem mais uma edição do The Wall, no game show, Luciano Huck desafia duplas a encararem uma disputa onde o objetivo é tentar vencer a parede que lança perguntas, distribui prêmios e também o retira, caso a dupla se saia bem nessa missão, ela pode faturar um prêmio de até R$ 1,7 milhões.

Para começar a disputa, essa dupla precisa responder de forma correta as perguntas de conhecimentos gerais que são lançadas pela parede do The Wall, a cada questão correta acertada neste primeiro momento, a dupla ganha bolas brancas que são lançadas na parede e convertidas em bolas verdes que lhes dão direito a tentar aumentar o prêmio.

Já na segunda etapa da disputa, a dupla é dividida, e cabe ao integrante da dupla que foi enviado para um cabine isolada, responder as questões levantadas pela parede, já o integrante que permaneceu no palco com Luciano Huck, precisa apostar suas fichas nas respostas do companheiro de dupla.

Tudo isso, sempre torna a disputa extremamente emocionante de ser acompanhada, emociona também as histórias da duplas participantes, que em sua maioria, chegam no programa com o objetivo de ampliarem a atuação de algum projeto social do qual sejam parte e que faz a diferença na comunidade onde atuam.

Há também sonhos pessoais inspiradores que sempre mexem com nossas emoções, nesta semana, quem encara a disputa é uma dupla formada por Vitor Gabriel e seu amigo.

A dupla chega na disputa com o intuito de conseguir fundos para ampliar um projeto que promete levar mais cultura para a periferia, trata-se do Black Pipe, um projeto multiplataforma que busca evidenciar artistas da periferia e ainda outras causas e assuntos.

Publicidade

E ainda tem mais uma edição do quadro Um Por Todos, Todos Por Um, nesta semana o quadro relembra a professora Flávia Rêgo, de 28 anos, que vem dando um exemplo na sua cidade.

Única bióloga da região, Flávia é apaixonada pelo Peixe-Boi e usou desse amor para fazer o que mais gosta: ajudar na preservação do animal.

Enquanto Flávia acreditava que estava apenas dando uma entrevista para uma matéria sobre a região e o Peixe-Boi, Luciano Huck apareceu e fez uma surpresa para a professora que agora finalmente poderá ter um dos seus sonhos realizados: finalizar a sede da associação.

Além de ajudar o próprio animal, a associação gera fonte de renda para a comunidade e mais de 250 pessoas são impactadas pelo o projeto! Flávia que sempre ajudou todos, desta vez recebeu a ajuda da comunidade para a construção da nova sede como gratificação pelo trabalho que vem fazendo na região.

Enquanto a nova sede era construída pela comunidade junto com o Caldeirão, a professora foi até a Praia do Forte, Bahia, conhecer o Projeto Tamar, que ajuda na preservação das tartarugas. Emocionada, Flávia teve o prazer de soltar uma tartaruga de volta ao mar. “Muito gratificação, uma emoção que imaginei que fosse somente com os Peixes-Bois, e hoje tive a certeza que é com qualquer animal”, contou às lágrimas.

Durante o passeio, a professora recebeu várias mensagens de apoio, incluindo uma do ator Marcos Palmeira, outra do americano Chris Fisher que ajuda na pesquisa dos turbarões na proteção do oceano, e até da top modelo internacional Gisele Bündchen. Os alunos de Flávia também tiveram uma emoção a mais com uma aula super bacana de ciências com Iberê do canal “Manual do Mundo”.   

Dez dias depois, Flávia foi receber ao lado de Luciano Huck a entrega da sede que agora está novinha em folha e toda decorada para abertura da associação. Emocionada ela não acreditou no que viu. “Lindo, incrível, como isso é possível!?”, dizia.

A professora recebeu até uma lojinha dentro da Associação do Peixe-Boi para ajudar a manter toda a estrutura. Agora será possível vender canecas, camisetas, sabão artesanal e outros materiais que estamparão o projeto que é guiado pela professora!

O Caldeirão do Huck também voltou alguns dias depois da entrega da nova sede, e pode ver ela em movimento pelos associados! “Tudo funcionando perfeitamente bem, todo mundo está muito feliz e empolgado para fazer sempre melhor. Na lojinha as pessoas saem satisfeitas com o trabalho da comunidade”, finalizou a professora que se tornou um exemplo para Porto de Pedras! Parabéns Flávia!

O Caldeirão do Huck começa logo após mais uma edição do Revista de Sábado, não perca!

Para assistir o Caldeirão do Huck e a programação da TV Globo, clique aqui!

Print Friendly, PDF & Email
Publicidade

Fernando Azevedo34439 Posts

Sou formando em Ciências Contábeis pelo Centro Universitário de Votuporanga, SP, (UNIFEV), e um aspirante a jornalista que escreve sobre TV desde meados de 2009 quando iniciei o Portal S4, além disso, ainda sou autor nas horas vagas tendo dois livros publicados e diversos e-books à venda na Amazon.

0 Comentários

Deixe um Comentário

nove + sete =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password